Ferramentas Pessoais
Você está aqui: Página Inicial A Previdência Informações e Notícias historico PBPrev participa de reunião de gestores com ministro da Previdência Social

PBPrev participa de reunião de gestores com ministro da Previdência Social

O presidente da PBPrev, Yuri Simpson, participa, na manhã desta quarta-feira (12), em Brasília, de reunião de gestores estaduais com o ministro da Previdência Social, Carlos Gabas. Durante o encontro serão discutidas soluções para temas previdenciários oriundos do Encontro dos Governadores do Nordeste, realizado em julho, em Teresina. Entre os assuntos está a criação de um grupo de trabalho para articular a retomada do processo de compensação previdenciária entre a União e os Estados.
Yuri Simpson afirmou que o encontro é um passo importante para que as reivindicações da Paraíba, a exemplo dos demais estados da região, sejam atendidas. “Em primeiro lugar, significa que o Encontro dos Governadores do Nordeste, desde a primeira edição, que ocorreu aqui em João Pessoa, não tem sido em vão, que nossas propostas têm sido levadas a sério. Particularmente, fiquei muito feliz em receber, num curto espaço de tempo, um convite do ministro da Previdência para discutirmos as nossas reivindicações”, destacou.
O presidente da PBPrev pontuou ainda que o equilíbrio previdenciário é um dos fatores que influem no equilíbrio financeiro de qualquer estado. “Sem sombras de dúvidas, é um momento em que vamos apresentar propostas fundamentais para que possamos equilibrar as contas da Previdência, buscarmos mais recursos para que o Estado, menos onerado nesse aspecto, possa investir em outros setores importantes, como saúde, segurança e educação”, afirmou. “Certamente que as soluções apresentadas durante o Encontro de Governadores, uma vez implementadas, também trarão bons resultados para a União. Todos saem ganhando”, acrescentou.

 

 

Pontos discutidos

 

Entre os pontos que serão discutidos durante o encontro desta quarta-feira com o ministro da Previdência, Carlos Gabas, estão:

 

  • Criação de grupo de trabalho para articular a retomada do processo de compensação previdenciária entre União e Estados;
  • Alteração da legislação vigente a fim de viabilizar a compensação previdenciária entre o Regime Geral de Previdência Social e o Regime de Previdência dos Militares, além de estabelecer parâmetros para o equilíbrio financeiro e atuarial do regime previdenciário dos militares e bombeiros;
  • Buscar modelação de compensação financeira para possibilitar os Estados suportarem o piso do magistério no pagamento dos aposentados e pensionistas, além do acompanhamento de projetos de lei em tramitação de aposentadorias especiais.